Autarca e candidato do PSD em Albufeira arguido em dois processos-crime

Presidente da Câmara de Albufeira e candidato do PSD no concelho é arguido não em um, mas em dois processos-crime. PJ ouviu-o por irregularidades em “licenciamento de obra”.



Mais um caso que não abona a favor do “banho de ética” do líder do PSD, Rui Rio. O presidente da Câmara Municipal de Albufeira e candidato autárquico social-democrata, José Carlos Rolo, é arguido em não um, mas dois processos judiciais. Além de estar a ser investigado na Operação Empório, onde estão em causa alegados crimes de corrupção, fraude fiscal, prevaricação e abuso de poder, o autarca ca foi ouvido pela Polícia Judiciária no passado dia 8 de Abril por suspeitas de favorecimento. É um dos 11 arguidos deste processo novo.

De acordo com fonte oficial do Ministério Público ouvida pelo NOVO, as suspeitas estão relacionadas com o “licenciamento de uma obra”. Fonte do executivo camarário acrescenta que está em causa a construção de “uma piscina e barbecue” e que “todos os que estiveram envolvidos na aprovação da obra”, inclusive presidente, vereação e técnicos, foram ouvidos pela PJ no início do mês. O autarca não respondeu às questões enviadas pelo NOVO.

Leia o artigo na íntegra na edição impressa do NOVO, nas bancas a 23 de Abril de 2021.

$!Autarca e candidato do PSD em Albufeira arguido em dois processos-crime
Ler mais
PUB