Ministério Público abre inquérito para apurar causas da morte de bebé de 8 dias em Portalegre

Recém-nascido morreu na quinta-feira de manhã, no hospital de Portalegre, por alegada falta de socorro médico. Ordem dos Médicos exige investigação.



O Ministério Público (MP) revelou esta sexta-feira que instaurou um inquérito para apurar as causas da morte de um bebé de oito dias, na quinta-feira, no hospital de Portalegre, por alegada falta de socorro médico.

À Lusa, o MP de Portalegre adiantou que foi instaurado este inquérito naqueles serviços para a averiguação das causas da morte da criança.

Segundo avançou a Sábado, um bebé de oito dias morreu na quinta-feira de manhã, no hospital de Portalegre, depois de a viatura médica de emergência e reanimação (VMER) do hospital não estar disponível por falta de médico para a tripular.

Esta sexta-feira, a directora clínica da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA) revelou que a VMER do hospital de Portalegre esteve, na quinta-feira, cerca de sete horas inoperacional por falta de médico, assegurando que aquela unidade hospitalar “fez todos os esforços” naquele dia para pôr a VMER operacional.

“Houve um período, entre as 09h00 e as 15h40, em que não houve médico, embora se tivessem feito todos os esforços para colmatar essa situação”, indicou.

Também esta sexta-feira, a Ordem dos Médicos (OM) defendeu que a morte do recém-nascido deve ser “rapidamente investigada e esclarecida”, por configurar “uma situação muito grave”.

“A morte deste bebé tem de ser investigada até às últimas consequências para que todas as possíveis falhas sejam rapidamente corrigidas e a confiança da população na resposta de emergência seja restabelecida”, disse em comunicado o bastonário da OM, Miguel Guimarães.

Na nota, a Ordem dos Médicos aludiu às “informações vindas a público sobre a morte de um recém-nascido que acabou por ser transportado para o hospital de Portalegre pelos bombeiros sem ter sido assistido” pela VMER do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

Ler mais
PUB