Bombeiros com verba prevista superior a 30 milhões de euros

Ministro da Administração Interna diz que se trata “dos maiores investimentos de sempre”.



O ministro da Administração Interna disse esta quarta-feira que a proposta do Orçamento do Estado (OE) para este ano tem prevista uma verba superior a 30 milhões de euros para os bombeiros, considerando que se trata “dos maiores investimentos de sempre”.

“A Escola Nacional de Bombeiros (ENB) e os bombeiros têm razões para confiarem na proposta do Orçamento do Estado, não apenas por aquilo que já fez em termos de execução em regime de duodécimos, mas também por aquilo que tem previsto. Estamos a falar de um OE para 2022 de um valor superior a 30 milhões de euros, se contabilizarmos todo o investimento previsto para os bombeiros portugueses”, salientou José Luís Carneiro.

O governante precisou que estão previstos um valor de oito milhões de euros para a ENB, mais de 28 milhões previstos para os bombeiros, “acrescidos com um reforço para a capacidade operacional de 2,5 milhões e ainda para o Fundo Social do Bombeiro que terá um acréscimo de mais de 100%”.

“Nós estamos mesmo a falar dos maiores investimentos de sempre na estrutura de bombeiros, quer no esforço relativo à sua profissionalização, que passa nomeadamente pela criação de Equipas de Intervenção Permanente, mas passa também pela capacitação das instituições e pela disponibilização de meios financeiros que permite que este sistema de protecção civil esteja cada vez mais robustecido e capaz de responder a exigências muito complexas”, afirmou.

Questionado sobre o relatório feito por um grupo de trabalho criado na anterior legislatura para reformular a Escola Nacional de Bombeiros, o ministro afirmou que o documento já foi entregue e está em avaliação pelo Governo.

Ler mais
PUB