Opinião

Curtas de Verão 1 - Férias e as boas práticas de cibersegurança

Pedro Lêdo


As férias são sinónimo de descanso, disso não há dúvida.

Creio que os hackers, provavelmente, tiram férias. Até eu tiro também, como será o caso do mês de Julho.

Mas garantidamente que enquanto eu continuarei a escrever, eles também continuarão a tentar entrar no seu computador!

Mesmo de férias, hoje, já não conseguimos desligar.

E por isso continuamos a usar redes sociais, o GPS para encontrarmos aquela praia ou aquele restaurante. Portanto, continuamos a usar a “rede”.

Proteja-se e aproveite as suas férias com a máxima segurança, não esquecendo várias dicas importantes.

- Quando em locais públicos, evite usar os seus equipamentos tecnológicos, como telemóvel, tablet e computador, e ligar-se a redes WiFi públicas, como as de restaurantes, cafés e hotéis, que geralmente apresentam níveis de segurança mais baixos.

- Nunca aceda ao seu banco electrónico usando redes públicas.

- Proteja a sua identidade e as suas contas e evite expor-se em demasia nas redes sociais.

- Tenha atenção à salvaguarda das suas credenciais de acesso às suas contas de email, redes sociais, etc., e não abra mensagens ou emails de fontes desconhecidas.

- Para identificar mensagens suspeitas, fique atento a possíveis erros ortográficos, à utilização de links nas mensagens e à presença de ficheiros estranhos como anexo. Leia com atenção e, na dúvida, não avance e elimine a mensagem ou email.

- De acordo com a S21sec, os dados mais recentes mostram que houve um aumento de 350% na criação de domínios maliciosos que se fazem passar por marcas e organizações.

- Proteja os seus equipamentos, nomeadamente também os telemóveis e tablets, passwords ou PIN, para garantir que, em caso de perda ou roubo, a sua informação pessoal e confidencial presente nesses equipamentos, por exemplo no seu telemóvel, não é facilmente acessível por terceiros.

- Factores como roubo de credenciais, ataques de phishing ou má utilização da tecnologia contribuíram para que informação relevante tenha sido obtida por agentes maliciosos e utilizada para fins ilícitos.

- Evite reservar viagens ou efectuar quaisquer outras compras online em sites pouco fidedignos.

- Antes de partir de férias, actualize todos os seus equipamentos e garanta que tem instalado o antivírus em todos eles.

A adopção destas boas práticas de cibersegurança poderá ajudar a mitigar o risco de ser alvo de ciberataques que lhe estraguem as tão merecidas férias. Desligue com a máxima segurança e aproveite as suas férias ao máximo!

PUB