Boa ou má moeda: as escolhas do NOVO



TÓPICOS

As boas

Recep Tayyip Erdogan

Aquele minuto em que deixou Vladimir Putin à espera, sem que o homólogo russo tivesse hipótese de esconder o desconforto, foi só um indício do poder que o Presidente turco vem acumulando devido às circunstâncias. Seja a reunir-se em Teerão ou a fazer exigências para aceitar a adesão à NATO da Suécia e da Finlândia.

Francisco Costa

Com apenas 17 anos, o jovem andebolista conhecido por “Kiko” já é o maior prodígio que a modalidade viu surgir em Portugal. E foi o maior responsável por a selecção de sub-20 ser vice-campeã europeia, ao lado do seu irmão Martim, dois anos mais velho e igualmente treinado no Sporting pelo pai, Ricardo Costa.

As más

Catarina Martins

Por muito que António Costa seja bem capaz de fingir ser dor a dor que deveras sente, a pergunta da bloquista no debate do estado da nação relativa à sua intervenção no apoio do Banco de Fomento a uma empresa de Mário Ferreira dirigida por Lacerda Machado é tão insultuosa quanto disse o primeiro-ministro.

Mario Draghi

Abandonado por vários parceiros da maioria com que tem vindo a governar Itália, o ex-presidente do Banco Central Europeu está no fim da linha como primeiro-ministro. E arrisca-se a ter como legado a vitória dos Irmãos de Itália, partido que, na direita, ganha cada vez mais terreno à Liga de Salvini.

Ler mais