Ucrânia convida Papa Francisco a visitar Bucha

O representante da Ucrânia no Vaticano indicou que a visita ainda está a ser negociada.



As autoridades ucranianas convidaram o Papa Francisco a visitar Bucha, a cidade próxima de Kiev onde as forças russas massacraram civis. De acordo com a agência ANSA, o representante da Ucrânia no Vaticano, Andrii Yurash, endereçou esta terça-feira o convite ao Papa.

Numa entrevista à ANSA, Yurash disse que uma visita papal ainda está a ser negociada, mas frisou que as autoridades ucranianas esperam que o Papa Francisco possa “viajar para onde as vítimas inocentes jazem, massacradas pelo exército russo em Bucha, a apenas 15 quilómetros de Kiev e onde foram encontradas 1400 vítimas”.

O representante da Ucrânia no Vaticano acrescentou que o “lado ucraniano vai certamente propor que o sumo pontífice vá” ver as provas dos crimes de guerra, que a Rússia nega ter cometido.

Yurash assinalou que o governo de Kiev deseja que o Papa Francisco reze nos túmulos das vítimas das atrocidades de Bucha.

Ler mais
PUB