Dubai cria chuva artificial para combater calor extremo de mais de 50 graus

Centro Nacional de Meteorologia dos Emirados Árabes Unidos está a testar um drone que liberta cargas eléctricas nas nuvens.



No Dubai, as temperaturas acima dos 50 graus estão a causar desespero entre os moradores e já houve quem apelasse à imaginação e à criatividade para pôr em prática um sistema que ajude a ultrapassar o calor infernal. O Centro Nacional de Meteorologia dos Emirados Árabes Unidos está a testar um drone que liberta cargas eléctricas nas nuvens, fazendo com que se juntem e formem precipitação.

Segundo avança a imprensa internacional, alguns estudos mostraram que este sistema tem a capacidade de aumentar a probabilidade de precipitação até 35%, mas há também quem questione a sua eficácia.

O serviço meteorológico nacional dos Emirados Árabes Unidos divulgou um vídeo das fortes chuvas causadas por esta tecnologia.

Por outro lado, na China, os moradores sofrem com as cheias que se fazem sentir. Pessoas encurraladas no metro, edifícios, escolas e em autocarros. As chuvas torrenciais atingiram país nos últimos dias, especialmente a capital da província de Henan, Zhengzhou. As cheias transformaram as ruas em canais, com rápido fluxo de água, e inundou bairros e estações de metro. O número de mortes devido às cheias subiu esta quarta-feira para 12, com mais de 144 mil pessoas afectadas.

A chuva atingiu uns históricos 457,5 milímetros em 24 horas, um número sem precedentes nos últimos 60 anos, desde que há registos. Imagens partilhadas nas redes sociais mostram viaturas cobertas de lama e pessoas encurraladas em carruagens de metro.

Ler mais