Angola: processo eleitoral é o tema dominante da campanha

As eleições em Angola realizam-se num ano de crescimento económico, depois de cinco anos consecutivos de recessão e de um 2021 de tímida recuperação. Desemprego, pobreza, justiça e diversificação da economia são os temas que os analistas consideram prioritários, mas a campanha eleitoral é dominada pelas questões e polémicas relacionadas com o próprio processo eleitoral.

As questões mais importantes para Angola serão a taxa de desemprego, que continuou acima dos 30% no primeiro trimestre deste ano, e o combate à pobreza, porque a pobreza extrema cresceu nove pontos percentuais e atinge 44% da população. Depois, a necessidade de diversificação da economia, que continua dependente do petróleo, que representa um terço do produto interno bruto (PIB), e o imperativo do crescimento a ritmos mais elevados do que o do aumento da população, para evitar o empobrecimento. No entanto, o principal tema da campanha eleitoral para as eleições de 24 de Agosto é o próprio processo eleitoral e a rivalidade entre o MPLA, no poder, com maioria absoluta, e a UNITA, maior partido da oposição.

“Lamentavelmente, os temas que estão em causa nesta campanha não são os temas estruturantes para Angola, mas o próprio processo eleitoral, como, aliás, acontece em quase todas as eleições”, diz ao NOVO Carlos Rosado de Carvalho, economista e professor na Universidade Católica de Luanda. “Há enormes suspeitas sobre o processo eleitoral - que não são novas, são de sempre - por parte da oposição, porque não há, efectivamente, transparência.”

Xavier de Figueiredo, partner do Africa Monitor, serviço de informação estratégica sobre assuntos africanos, concorda que os temas estruturantes para o país estão arredados da campanha. “Estes temas não entram muito no debate político”, afirma, apontando, tal como Rosado de Carvalho, que não é fácil conhecer as diferentes propostas submetidas a escrutínio. “Nos comícios prevalece o ataque pessoal e político”, diz.

Leia o artigo na íntegra na edição do NOVO que está este sábado, dia 6 de Agosto, nas bancas.

$!Angola: processo eleitoral é o tema dominante da campanha
Ler mais
PUB