Portugal aprova limite ao preço do gás para reduzir factura da electricidade

Informação foi avançada pelo ministro do Ambiente e da Acção Climática, Duarte Cordeiro, em conferência de imprensa.



O Governo aprovou esta sexta-feira o mecanismo ibérico para limitar o preço do gás para a produção de electricidade, que irá permitir reduzir a factura da electricidade às famílias e empresas.

“O Governo aprovou hoje uma medida inédita [...], um mecanismo que tem um conjunto de objectivos muito claro: limitar a escala dos preços, proteger quem está mais exposto e em terceiro lugar socializar os custos e benefícios”, disse o ministro do Ambiente e da Acção Climática, Duarte Cordeiro, em conferência de imprensa, no final da reunião de Conselho de Ministros extraordinário.

“Obteremos uma redução muito significativa do preço da electricidade, gerando assim poupanças para as famílias e empresas”, declarou.

No final de Abril, os governos de Portugal e Espanha chegaram a um acordo político com a Comissão Europeia para o estabelecimento de um mecanismo temporário que permitirá fixar o preço médio do gás nos 50 euros por MWh.

Esta medida permitirá dissociar temporariamente os preços do gás e electricidade na Península Ibérica, que beneficiará assim de uma excepção, tal como acordado no Conselho Europeu de Março.

Ler mais
PUB