Novobanco aprova aumento salarial de 4%

O Novobanco aprovou “a antecipação de 4% de aumento salarial a aplicar à tabela de níveis ACT (Acordo Coletivo de Trabalho) em 2023, para todos os colaboradores no ativo”, avança em comunicado o banco liderado por Mark Bourke.



TÓPICOS

Depois do BPI foi a vez do Novobanco anunciar um aumento salarial de 4% para ajudar os colaboradores a fazerem face à queda do poder compra devido à inflação.

“Na sequência da aprovação e disponibilização, no passado mês de dezembro 2022, de um pacote de apoios aos colaboradores para mitigar o efeito do aumento da inflação e das taxas de juro, o Novobanco aprovou agora a antecipação de 4% de aumento salarial a aplicar à tabela de níveis ACT (Acordo Coletivo de Trabalho) em 2023, para todos os colaboradores no ativo”, avança em comunicado o banco liderado por Mark Bourke.

“Mantendo em curso as negociações sindicais, o Novobanco entendeu oportuno fazer, desde já, esta antecipação aos seus colaboradores. Este aumento será aplicado ao vencimento base (correspondente ao nível ACT) e processado já no próximo dia 23 de janeiro”, acrescenta.

“Esta iniciativa, juntamente com outras aplicadas já em 2023, complementa o pacote de medidas de apoio aos colaboradores do Novobanco, lançado em dezembro 2022, onde se incluiu o apoio extraordinário de 500 euro para os colaboradores com rendimentos brutos anuais abaixo de 30.000 euros e de 250 euros, para rendimentos acima desta quantia; uma linha de crédito para apoio a situações de stress financeiro; a possibilidade de antecipar 50% do subsídio de natal de 2023, e a flexibilização dos prazos de amortização do crédito habitação no regime de crédito habitação própria permanente – ACT”, resume o banco.

A instituição diz ainda que “estas medidas reforçam o compromisso do Novobanco em continuar a encontrar as soluções mais equilibradas para os desafios que surgem diariamente ao banco e aos seus colaboradores”.

Recorde-se que a inflação em Portugal atingiu 7,8% em 2022.

Ler mais