Portugal rumo aos oitavos com Bruno Fernandes em dose dupla

Dois golos na segunda parte bastaram para que a selecção portuguesa se apurasse para a fase a eliminar deste Mundial.



TÓPICOS

A selecção portuguesa qualificou-se esta segunda-feira para os oitavos-de-final do Mundial de futebol, após uma vitória frente ao Uruguai por 2-0.

Após o triunfo sobre o Gana por 3-2, Portugal só precisava de uma vitória para se apurar para a fase a eliminar deste Mundial.

Dois golos de Bruno Fernandes, médio do Manchester United, foram decisivos para ultrapassar o adversário que eliminou Portugal no último Mundial, na Rússia, mais precisamente na cidade de Sochi.

Depois de uma primeira parte de domínio português, mas com pouca expressão atacante por parte das duas equipas (acabou por ser o Uruguai a ter a melhor oportunidade), Portugal veio para o segundo tempo com vontade de ser mais eficaz.

E essa eficácia teve frutos aos 54 minutos, quando Bruno Fernandes surgiu do lado esquerdo a cruzar para Cristiano Ronaldo, sem que o capitão da selecção conseguisse tocar na bola. Não foi preciso. A bola sobrevoou a área e entrou na baliza contrária.

Depois do golo, Portugal sofreu com o Uruguai, em busca do empate (só tinha garantido um ponto frente à Coreia do Sul), mas foi a selecção a alargar a vantagem. Bruno Fernandes tentou passar um defesa que colocou a mão na bola e levou o árbitro ao VAR.

Grande penalidade soberbamente convertida por Bruno Fernandes para o 2-0 e o ponto final no jogo. Até ao final, só deu Portugal, e o médio do Manchester United podia ter marcado mais dois golos, mas Rochet e o poste evitaram mais tentos para a selecção.

Na próxima sexta-feira, 2 de Dezembro, Portugal vai querer carimbar o primeiro lugar do grupo num embate com a Coreia do Sul, treinada por Paulo Bento, equipa que tem um ponto nesta fase de grupos.

Ler mais