Morreu Fernando Chalana, o “Pequeno Genial”

Considerado uma das glórias do Benfica, Chalana tinha 63 anos. Foi internacional português e jogou em França.



Fernando Chalana, uma das grandes figuras do futebol português e glória do Benfica, morreu na madrugada desta quarta-feira. Tinha 63 anos. A morte foi confirmada pelo Benfica através de um comunicado.

“Fernando Chalana, o nosso Pequeno Genial, faleceu, aos 63 anos, na madrugada desta quarta-feira, 10 de agosto”, pode ler-se no comunicado do Benfica, que recorda o percurso de Chalana de águia ao peito. “Natural do Barreiro, onde nasceu no dia 10 de fevereiro de 1959, Fernando Chalana vestiu oficialmente o Manto Sagrado pela primeira vez no dia 7 de março de 1976, com apenas 17 anos e 25 dias. Até àquela data, nunca ninguém tão jovem havia atuado na 1.ª Divisão portuguesa”, assinalam os encarnados.

“Neste momento de luto, a bandeira do Sport Lisboa e Benfica está a meia-haste no Estádio da Luz e no Benfica Campus”, refere ainda o comunicado.

Chalana chegou ao Benfica aos 15 anos. Jogava a extremo e representou o clube durante 13 épocas, entre 1974-1984 e 1987-1990. Pelo meio teve uma passagem pelo futebol francês, onde actuou no Bordéus. Antes de terminar a carreira, Chalana ainda jogou uma temporada no Belenenses e outra no Estrela da Amadora.

Foi internacional por Portugal em 37 ocasiões, e fez parte da Selecção Nacional que chegou às meias-finais do Campeonato Europeu de 1984, em França.

Após ter deixado de jogar futebol, Fernando Chalana esteve ligado ao Benfica durante vários anos, como elemento técnico.

[Notícia actualizada às 10h19]

Ler mais
PUB