Fernando Santos: “Danilo esteve soberbo”

Seleccionador português não escondeu a satisfação após o apuramento de Portugal para os oitavos-de-final do Euro2020.



Fernando Santos, seleccionador de Portugal, reagiu à qualificação da selecção portuguesa para os oitavos-de-final do Euro2020, depois de um empate frente à França, por 2-2, na terceira e última jornada do grupo F, em Budapeste. Em declarações à RTP e à Sport TV após o empate a duas bolas entre Portugal e França, o seleccionador não escondeu a satisfação.

“Saí satisfeito com a equipa, globalmente. Apresentou o espírito certo. Fizemos uma primeira parte muito boa, com muita organização, habitual em Portugal, sem dar espaço ao adversário. Fizemos um golo, depois sofremos outro”, sublinhou.

Sobre as diferenças em relação ao jogo com a Alemanha
Teve tudo a mais. Tudo o que disse na conferência que era preciso fazer. Teve tudo a mais. O segundo golo da França obrigou-nos a ir atrás, chegámos ao empate e o resultado é justo. Os jogadores perceberam muito bem o que era preciso e é o passo certo para o que vem a seguir. Disse que dependíamos de nós e tínhamos de fazer o nosso resultado. Contra a Hungria, fizemos um jogo muito bom. Nunca os deixámos criar situações, sempre com o controlo do jogo, e só marcámos no fim, mas a equipa esteve muito bem. Com a Alemanha, não fomos iguais a nós próprios. Esta equipa sabe o que é preciso fazer para ganhar. É preciso defender, contra-atacar, atacar. Quando não fazemos, temos dificuldades. Quando fazemos, é difícil para qualquer adversário.

“Danilo soberbo”
“Danilo esteve soberbo, jogou mais perto dos centrais, os alas fecharam melhor os corredores mas mesmo assim voltámos a não ter atenção em um ou dois momentos nos aspecto defensivo”

Oitavos-de-final contra a Bélgica
A Bélgica é um adversário difícil. Estão em primeiro no ‘ranking’. Mas calma, iremos estudar bem o adversário e apresentaremos o melhor para a equipa”.

Ler mais
PUB