FC Porto apanha susto mas ganha e fica a um ponto do 30.º título

Evanilson, Taremi (2) e Mbemba marcaram pelos dragões que viram o Vizela recuperar desvantagem de dois golos antes do último fôlego azul e branco.



O FC Porto está a um ponto de vencer o 30.º título do seu palmarés. Os azuis e brancos bateram, neste sábado no Dragão, o Vizela por 4-2, mas não se livraram de um grande susto que o resultado não aparenta.

O líder da I Liga inaugurou o marcador aos 21’ através de um erro incrível do guardião vizelense, Pedro Silva, que deixou Evanilson interceptar um passe e fazer o primeiro golo numa altura em que os dragões mostravam dificuldades em entrar da defesa minhota.

Quase logo a seguir Taremi ampliou de penálti a punir uma falta na área sobre Grujic, mas ainda antes do intervalo o norte-americano Alex Méndez fez o golo do jogo num remate indefensável para Diogo Costa.

Após o reatamento, Nuno Moreira, cuja formação foi feita no Sporting, recebeu um cruzamento longo da direira, flectiu para o meio e atirou a contar contando ainda com a ajuda involuntária de Mbemba. O congolês teve a oportunidade de redimir-se com um pontapé pronto aos 57’ na sequência de um belo centro de Pepê.

O resultado finai foi estabelecido pelo inevitável Taremi depois de uma bela jogada de Francisco Conceição.

O FC Porto fica, assim, a um ponto do 30.º título, que pode até ser festejado já este domingo se o Gil Vicente pontuar em Alvalade. Caso contrário, a próxima oportunidade do FC Porto dá-se no próximo sábado... na Luz.

Ler mais
PUB